Manifestantes invadem prédio com soldados na Ucrânia

Presidente da Ucrânia recebe líderes da oposição para novas negociações
foto GENYA SAVILOV/AFP

Neste sábado, manifestantes jogaram bombas incendiárias e pedras contra um prédio no centro de Kiev, onde cerca de 200 policiais estavam abrigados. Após horas, a multidão formou um corredor e permitiu a saída da polícia do local.

Este domingo será marcado por mais um dia de manifestações, que têm atraído multidões de pessoas ao longo dos dois últimos meses. Os protestos atuais ocorrerão um dia após o presidente do país, Viktor Yanukovych, oferecer o cargo de primeiro-ministro aos opositores. Mas um dos líderes da oposição, o ex-chanceler Arseniy Yatsenyuk, disse que existem mais demandas a serem atendidas, como a renúncia de Yanukovych. Ele prometeu que os protestos irão continuar.
As manifestações tiveram início há dois meses, depois de Yanukovych ter desistido de assinar um acordo de associação com a União Europeia, em favor de um empréstimo de resgate concedido pela Rússia. Fonte: Associated Press

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.