Corpo de cinegrafista atingido por rojão será cremado nesta quinta

A ONG Rio de Paz realiza uma homenagem ao cinegrafista da TV Bandeirantes, Santiago Ilídio Andrade, nas areias da praia de Copacabana no Rio de Janeiro. (Foto: Daniel Scelza/Futura Press/Estadão Conteúdo)
O corpo do cinegrafista Santiago Andrade,morto na segunda-feira (10) após ter sido atingido na última quinta (6) por um rojãodurante um protesto contra o aumento das passagens de ônibus no Rio, começou a ser velado na manhã desta quinta-feira (13) no Memorial do Carmo, no Caju, Zona Portuária, onde também será cremado. O velório é aberto ao público e, após as 11h, a cerimônia deve prosseguir apenas para a família, até o meio-dia, hórario marcado para a cremação.


Justiça expede mandado de prisão de suspeito de lançar rojão que matou Santiago Andrade/GNews (Foto: Reprodução GloboNews)Na praia de Copacabana, na Zona Sul, o movimento Rio de Paz estendeu uma cruz preta de 15 metros para homenagear o cinegrafista. Uma câmera com flores, uma faixa com a foto dele e uma mensagem também compunham o cenário.
No velório, vários jornalistas que conheciam Andrade chegaram ao local vestindo uma camisa com uma charge em homenagem ao profissional da TV Bandeirantes. Atrás, havia a frase: "Poderia ter sido um de nós".
Viuva de Santiago Andrade, Arlita Andrade, chega ao velório do cinegrafista (Foto: Guilherme Brito/G1)
Viuva de Santiago Andrade, Arlita Andrade, chega ao velório do cinegrafista (Foto: Guilherme Brito/G1)
Colegas de trabalho também relembraram os momentos de alegria e descontração do amigo. "Ele era um cinegrafista que gostava do jornalismo do cotidiano, do factual. Sempre foi muito cavalheiro, gentil, trabalhava de peito aberto e acompanhou meu crescimento na carreira desde o inicio", contou a apresentadora Mariana Rosadas.
A viuva de Santiago, Arlita Andrade chegou ao enterro por volta das 8h30 usando uma camisa do Flamengo, time do coração do cinegrafista, com uma homenagem nas costas. "Santiago sempre te amarei", faz alusão ao grito de guerra do time cantado pelas torcidas rubro-negras.

G1

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.