Embaixada dos EUA ajudou cubanos a deixar programa Mais Médicos

Desertores do programa Mais Médico, do governo federal, tem sido orientados pela embaixada dos EUA a obter visto de trabalho nos EUA. É o que diz a nota de Claudio Humberto, do Diário do Poder. Leia:

EMBAIXADA AJUDA CUBANOS A FUGIR PARA OS EUA
A Embaixada dos Estados Unidos concedeu vistos a quatro cubanos que abandonaram o programa Mais Médicos. Presidente da ONG Solidariedade Sem Fronteiras, Julio Cesar Alfonso informou que os profissionais que já estão em Miami receberam orientações da própria embaixada americana, que auxilia, desde 2006, cubanos que deixaram a ilha a obterem vistos especiais para trabalharem nos Estados Unidos.

FUGA
Segundo Julio Alfonso, dois médicos cubanos fugiram para Miami no ano passado e os outros dois chegaram já este ano.

BAIXA
A Polícia Federal, que carimbou passaportes dos cubanos ao saírem do Brasil, não responde a questionamentos sobre o assunto.

ENGORDANDO
A verba destinada pelo governo federal ao programa Mais Médicos saltou de R$ 540 milhões em 2013 para R$ 1,9 bilhão, este ano.

FUI!
O Ministério da Saúde desconhece o paradeiro dos médicos cubanos de Rio do Antônio (BA), Belém de São Francisco (PE) e Timbira (MA).

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.