Ex-presidente da Ucrânia Yanukovich é procurado por assassinato em massa

  Viktor Yanukovich fala a TV local em Kharkiv, neste sábado (22)  (Foto: AFP Photo/HO/ Presidential Press-service)O presidente deposto da Ucrânia Viktor Yanukovich foi colocado na lista de procurados do país pelo crime de assassinato em massa, informou o ministro interino do Interior nesta segunda-feira em seu perfil no Facebook.
"Um caso oficial de assassinato em massa de cidadãos pacíficos foi aberto", escreveu Arsen Avakov no Facebook. "Yanukovich e outras pessoas responsáveis por isso foram declarados procurados."
Yanukovich, de 63 anos, deixou a capital Kiev de helicóptero na sexta-feira em meio à revolta contra seu regime após três dias de confrontos em que mais de 80 pessoas foram mortas. Ele estava na região pró-russa de Crimeia no domingo à noite, segundo Avakov.
Desde sexta-feira ele tem viajado bastante com seu chefe de administração, Andriy Klyuev, primeiro de Kiev a Kharkiv, no leste, e depois para seu refúgio em Donetsk, onde guardas de fronteira o impediram de deixar o país. Em seguir ele foi para a península de Crimeia.

(Reportagem de Natalia Zinets)

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.