Principal ferido no rompimento de moinho permanece internado

Quatro das cinco vítimas feridas durante o rompimento de um dos silos que armazenavam uma grande quantidade de trigo no Moinho Motrisa, localizado no bairro do Poço, já foram liberadas pelo Hospital Geral do Estado na madrugada desta terça-feira,(8).

O acidente ocorreu na tarde dessa segunda, e toda a região foi invadida pelos grãos de um dos quatro silos que funcionavam no local. Ele armazenava 1. 600 toneladas de produto, e apenas 400 toneladas foram recolhidas.
Também na manhã desta terça, cerca de 80 policiais já estão no local fazendo o isolamento de toda a região onde o moinho está localizado. Segundo um dos militares, ainda não foi descartada a hipótese de novos rompimentos, por isso, apenas trabalhadores que precisam circular nas imediações estão sendo liberados para passar pelo local.
Ainda não foi definido se o comércio que funciona no entorno do Motrisa poderá funcionar normalmente. "A princípio, vamos manter tudo fechado até que a perícia assegure que não há a possibilidade de novos desabamentos", comentou um dos policiais.
O local já teve boa parte dos grãos recolhidos e os carros que foram soterrados já estão na lateral da avenida, que permanece interditada.

Salvamento após desabamento do Moinho Motrisa
Foto: Reprodução / Facebook
Entenda:
Uma das torres do Moinho Motrisa, que manipula grãos de trigo há décadas em Maceió, na Avenida Comendador Leão, desabou, espalhando toneladas de grãos pela rua e por cima de imóveis. Carros que estavam estacionados na rua também foram atingidos. Cinco pessoas ficaram feridas, um jovem em estado grave.
Em pouco tempo, a área foi evacuada devido à ameaça de novos desabamentos. Equipes do Corpo de Bombeiros, do Bope e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) uniram forças para ajudar nas buscas de possíveis vítimas soterradas.  .
Apesar de moradores afirmarem que o prédio apresentava rachaduras, a coordenadoria de Defesa Civil de Maceió afirma que não havia registro de nenhum tipo de problema com a estrutura do prédio.

Tnh1

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.