'Le Figaro' destaca a história do menino brasileiro Zidane Henry Barthez

le Figaro
O jornal francês "Le Figaro" destacou na edição desta quinta-feira (3) a história do menino brasileiro de 7 anos que foi batizado com nomes de jogadores da seleção da França. Zinedine Yazid Zidane Thierry Henry Barthez Eric Felipe Silva Santos mora no bairro de Ponta Grossa, em Maceió, e sua história foi destaque no site G1.
O título do "Le Figaro" diz: "Um brasileiro batiza seu filho de Zidane Henry Barthez". O diário francês afirma que o pai do menino é fã incondicional dos "Bleus". "Imagine a cena na escola na hora da chamada da professora. Deve ser umverdadeiro calvário para a senhora quando ela tem que ler o nome desse menino de 7 anos, chamado de pequenoZidane por seus amigos e familiares" (leia a reportagem original, em francês).
O nome do garoto foi uma homenagem do pai, Petrúcio Santos, aos jogadores franceses que foram campeões do mundo em 1998 e derrotaram o Brasil em 2006, além de Eric Cantona, que nunca jogou uma Copa do Mundo.

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.