'Perdemos um grande brasileiro', diz Dilma sobre morte de Campos

Presidente Dilma Rousseff decretou luto pela morte de Eduardo Campos; no Palácio da Alvorada, bandeiras estavam a meio-mastro (Foto: Filipe Matoso / G1)
A presidente Dilma Rousseff divulgou nesta quarta-feira (13) nota de pesar pela morte do candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos. Na mensagem, Dilma disse que o país perdeu um "grande brasileiro". O jato em que Campos viajava caiu nesta manhã em Santos.

A presidente também decretou luto oficial de três dias. Além disso, o PT suspendeu as atividades de campanha da presidente, que é candidata à reeleição, por três dias. De acordo com o partido, os comitês regionais também devem respeitar o luto. O PT ainda decidiu, em conjunto com a Rede Globo, cancelar a entrevista que a candidata daria nesta noite ao Jornal Nacional.
Na nota, Dilma lembrou que teve "longa convivência" com Campos durante o governo do então presidente Luiz Inácio Lula, quando os dois eram ministros.
Mais tarde, Dilma publicou em sua conta no Twitter trechos da nota oficial de pesar.
Veja na íntegra a nota da presidente Dilma Rousseff:
"O Brasil inteiro está de luto. Perdemos hoje um grande brasileiro, Eduardo Campos. Perdemos um grande companheiro.
Neto de Miguel Arraes, exemplo de democrata para a minha geração, Eduardo foi uma grande liderança política. Desde jovem, lutou o bom combate da política, como deputado federal, ministro e governador  de Pernambuco, por duas vezes.
Tivemos Eduardo e eu uma longa convivência no governo Lula, nas campanhas de 2006, 2010 e durante o meu governo.
Estivemos juntos, pela última vez, no enterro do nosso querido Ariano Suassuna. Conversamos como amigos. Sempre tivemos claro que nossas eventuais divergências políticas sempre seriam menores que o respeito mútuo característico de nossa convivência.
Foi um pai e marido exemplar. Nesse momento de dor profunda, meus sentimentos estão com Renata, companheira de toda uma vida, e com os seus amados filhos. Estou tristíssima.
Minhas condolências aos familiares de todas as vítimas desta tragédia.
Decretei luto oficial de 3 dias em homenagem à memória de Eduardo Campos. Determinei a suspensão da minha campanha por 3 dias.

Dilma Rousseff
Presidenta da República Federativa do Brasil"

0 comentários:

Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Serão suprimidos todo e qualquer comentário com teor preconceituoso.